/
/
/
Busca Documental em Portugal: Encontrar Certidões de antepassados

30 de Janeiro, 2024

Busca Documental em Portugal: Encontrar Certidões de antepassados

Descubra a facilidade da busca documental em Portugal para encontrar certidões de antepassados e iniciar o processo de cidadania portuguesa.
Homem sentado em uma pilha de papeis em arquivo público para encontrar certidoes de antepassados
Leitura: 6 min

Se está planejando pedir a sua cidadania portuguesa, encontrar certidões de antepassados é uma condição para dar início ao seu processo. Algumas famílias costumam guardar informações dos antepassados, fotos, nomes e datas e até os registros de nascimento e casamento dos avôs e bisavôs. Se esse não é o seu caso, não precisa ficar desesperado. Em Portugal, você poderá facilmente fazer uma busca documental e localizar tudo que precisa para o pedido de nacionalidade. 

A boa notícia é que Portugal conta com cerca de 89% da sua documentação civil digitalizada. As certidões datadas desde 1400 até 1911 já estão online, um verdadeiro exemplo de informatização do registro civil. Isso facilita e acelera o acesso à informação tornando o sonho da cidadania possível mesmo para aqueles que não possuem conhecimento dos nomes completos de seus antepassados.

Veja nesse artigo como funciona a busca documental, onde pesquisar certidões, quais as maiores dificuldades na hora de localizar documentos antigos de familiares e algumas curiosidades sobre o tema. 

Quer viver na Europa?

Concretizar seu objectivo de morar na europa ou ter cidadania europeia, pode ser mais simples do que você pensa. Oferecemos suporte personalizado para tornar o processo de imigração mais acessível e descomplicado.

Como localizar documentos de antepassados?

Antes de começar a sua pesquisa, converse com o máximo de familiares possível em busca de informações detalhadas sobre seus antepassados para caracterizar o português da família. 

  • Local e data de nascimento do português.
  • Nome completo do português.
  • Nome dos pais do ascendente português.

Outras informações podem ser úteis. Onde ele morou? Era casado? Esteve casado mais de uma vez? Teve outros filhos? Quanto mais informações você tiver, mais fácil será identificar os documentos dele/a. E melhor: mais barato será fazer essa busca documental. 

Vale lembrar que a cidadania portuguesa é possível de modo direto somente para filho de português e neto de português. No caso do bisneto de português, só é possível se um antepassado estiver vivo e para solicitar anteriormente e a transmitir na sequência. E um detalhe: não é possível fazer pedido de cidadania para pessoas já falecidas.

E se eu não tiver as certidões de nascimento dos ascendentes portugueses?

Não se desespere, pois ainda há chances, especialmente em Portugal, onde os arquivos são bem preservados. Ainda que você desconheça os nomes completos dos antepassados, mas saiba somente que são portugueses e a região de origem já é um começo para iniciar a busca documental. 

Como montar uma árvore genealógica

A montagem da árvore genealógica se dá da geração mais recente em direção à mais antiga. Para criar a sua, reúna os documentos que contenham as informações dos parentes vivos que te cercam. Esse é o primeiro passo – e fundamental – para o início do trabalho.

Existem excelentes programas de genealogia disponíveis para facilitar o início desse processo: 

Inicie criando um gráfico de linhagem e planilhas de grupo familiar para seus pais, avós e parentes próximos. Baixe formulários gratuitos em sites como FamilySearch.org e Ancestry.com, ou use um programa de genealogia. As planilhas ajudam a registrar informações cruciais, como datas de nascimento, casamento, falecimento, locais de sepultamento e nomes dos cônjuges. Entreviste familiares vivos, anote eventos marcantes e adicione essas informações aos seus registros para construir uma base sólida durante sua pesquisa.

Onde pesquisar certidões de portugueses

Antes de 1911, os registros de nascimento, casamento e óbito eram predominantemente mantidos pela Igreja Católica, nas paróquias e freguesias. Com a implementação do Registo Civil, essa responsabilidade foi transferidai para as autoridades civis. As certidões mais antigas foram digitalizadas e, atualmente, podem ser encontradas online, em diversos sites. Por isso, dependendo da data de nascimento do português, dá para pesquisar em diferentes fontes. Aqui sugerimos algumas:

  • Nós, Portugueses : Ideal para encontrar certidões de antepassados, anteriores a 1911. Pesquisa através do “Apelido” (sobrenome). Você também pode visualizar a distribuição geográfica do sobrenome e buscar diretamente pelo nome completo do português.
  • Tombo: possui registros paroquiais de nascimento de portugueses.
  • Ancestry: reúne documentos tanto em nível nacional quanto local, provenientes de paróquias, bibliotecas públicas e cartórios.
  • Geneanet: reúne informações genealógicas e alguns arquivos digitalizado.
  • Family Search: ferramenta de busca por sobrenome (veja curiosidade abaixo).
  • My Heritage: site de busca para montagem de árvore genealógica.

Nos Estados Unidos, muitos registros estão online ou em microfilme na Biblioteca de História da Família, em Salt Lake City, Utah. Essa biblioteca possui uma extensa coleção de registros relacionados a Portugal, incluindo livros, microfilmes e outros registros de todas as regiões do país. A biblioteca possui centros menores ao redor do mundo e disponibiliza bilhões de registros transcritos e indexados online em FamilySearch.org.

Quanto tempo demora uma busca documental?

Uma busca documental tanto pode durar 5 dias, quanto pode demorar meses! Isso dependerá das circunstâncias específicas de cada caso. Explicamos com um exemplo.

Imagine a situação: 

Manuel Silva, filho de Antônia Silva, mãe solteira, resolveu emigrar para o Brasil, no final do século XVIII. Chegando lá, no novo país, decidiu abrir um comércio. Sabe o nome do pai, que nunca lhe registrou, Carlos Ferreira. Decidiu, então, fazer seus documentos brasileiros com o nome da mãe (Silva) e do pai (Ferreira). A opção de um nome mais longo era comum na época para evitar homônimos no comércio. Embora ilegítimo, aquele novo sobrenome ficará para a família (Silva Ferreira), mas em Portugal, ele não tem força legal, pois o Manuel nunca foi registrado pelo pai. E pior: no Brasil, por um erro de grafia ele se tornou: Manoel Silva Ferreira. Por isso, quando a  família pesquisar por esse nome, de modo independente, ou seja, sem relacionar o Manuel aos seus familiares, a chance de encontrá-lo será próxima de zero. Imagine quantos Manoel Silva existem em Portugal??

Isso mostra que a busca documental é um processo complexo,  feito em cadeia. Não se trata de um nome, e sim de uma história. Não é uma pessoa, e sim uma família inteira.

Por que existe tanta divergência nominal?

Na Portugal do século 19, a igreja fazia os registros em cada freguesia. A constituição de cada nome e sobrenome não era padronizada. Por vezes, as meninas só levavam os sobrenomes das mães e os meninos dos pais. A ordem dos nomes nem sempre era respeitada. Para deixar tudo mais complicado, algumas crianças também podiam ter os sobrenomes dos padrinhos. Imagine a confusão!! Quando chegava o momento do casamento, novos nomes eram acrescentados à lista. Tudo isso termina por provocar uma enorme divergência nominal na hora da localização das certidões para o pedido da cidadania.

Quanto custa encontrar certidões de antepassados?

O custo total para encontrar documentos de antepassados pode variar significativamente, sendo influenciado por diversos fatores. A quantidade de familiares a serem identificados e o número de certidões necessárias para atingir o português que permitirá a cidadania são determinantes. Além disso, o local de emissão das certidões, que pode variar de país para país ou até mesmo dentro de uma região, é outro fator que pode impactar consideravelmente. Por exemplo, no Brasil, uma certidão emitida em Belém por 500 reais pode custar apenas 20 reais em Brasília. Fale conosco e peça um orçamento personalizado.

Onde solicitar documentos de familiares?

Se você dispõe de informações precisas sobre o português em questão, o local de nascimento, nome completo, data de nascimento, você pode solicitar o documento diretamente no site do CRAV – Rede Portuguesa de Arquivo e emitir a certidão pagando 10€. Se for preciso fazer alguma retificação no documento (pode acontecer nos mais antigos), isso tem um custo extra.

Se preferir o formato em papel, pode solicitar pessoalmente, por meio de um amigo ou familiar, ou uma assessoria especializada, em um desses locais:

  • Nas Conservatórias do Registo Civil;
  • Nas Lojas do Cidadão;
  • Nos balcões de atendimento do Instituto dos Registos e do Notariado – IRN.

As Conservatórias de Portugal não enviam certidões para o exterior, sendo necessário realizar a solicitação pessoalmente, com envio posterior por um representante.

Contratar o serviço de busca documental: Como funciona

Se você tem a certeza de que seu antepassado era português, mas não tem todas as informações necessárias para localizar a documentação, ou quer simplificar o processo, a melhor opção é buscar ajuda profissional. 

Mas como funciona uma busca documental? Nosso objetivo é rastrear os seus antepassados ​​imigrantes até ao seu local de origem e localizar os registos que ​​deixaram para trás. 

A Atlantic Bridge possui um banco de dados e um acervo exclusivo com informações que não estão disponíveis em nenhum outro banco de dados. Contamos com um time de genealogia estabelecido na Espanha, em Portugal e no Brasil para encontrar as certidões de antepassados seus. 

Em situações mais complexas, nossa equipe vai diretamente na cidade onde o português residiu para visitar pessoalmente a paróquia que poderá guardar os documentos essenciais para o processo.  Em alguns casos, nossos genealogistas também visitam portos, vasculham listas de passageiros de navios, petições de naturalização, censos, registros militares, registros vitais, obituários e registros de cemitérios. Enfim, uma verdadeira caçada para tornar a sua cidadania possível. Fale agora com a Atlantic Bridge e dê início ao seu processo de cidadania portuguesa!

Facebook
LinkedIn
WhatsApp
Telegram
Silvia Resende

Autor:

Silvia Resende

Você pode gostar também:
Casa portuguesa: viver com visto ou autorização de residência

Saiba a Diferença entre Visto e Autorização de Residência

Queremos esclarecer de uma vez por todas a diferença entre visto de residência e autorização de residência. Qual a validade e função de cada um deles, e como obtê-los? 

Silvia Resende

Autor:

Silvia Resende

Leitura: 4 min

6 de Maio, 2024

Estudante com mochila

Escolas Internacionais em Portugal: Conheça as Melhores

Você está pensando em viver em Portugal como expatriado e procura a melhor formação para os seus filhos? Descubra aqui quais as melhores escolas internacionais do país, como funcionam e quanto custam.

Silvia Resende

Autor:

Silvia Resende

Leitura: 9 min

31 de Janeiro, 2024

Properties for urban rehabilitation are eligible for the Golden Visa Portugal with a minimum investment of only 350 thousand euros.

Golden Visa Para Reabilitação Urbana: Veja Regras Do Programa

Imóveis para reabilitação urbana são elegíveis ao Golden Visa Portugal com investimento mínimo de apenas 350 mil euros.

Autor:

Atlantic Bridge

Leitura: 8 min

25 de Agosto, 2022

Como financiar imóvel em Portugal: documentação e pré-requisitos

Financiar imóvel em Portugal é possível, barato e acessível, porém o processo de seleção do melhor financiamento e aprovação de crédito tem uma série de detalhes que vamos descrever a seguir.

Autor:

Atlantic Bridge

Leitura: 7 min

20 de Março, 2019

Portuguese President criticizes Mais Habitação program and investor demand for Golden Visa increases. "Inoperational" and "Unfeasible".

Procura por Golden Visa Portugal Aumenta: Entenda Por Quê

Presidente português critica programa Mais Habitação e procura dos investidores pelo Golden Visa aumenta. "Inoperacional" e "Inexequível".

Autor:

Atlantic Bridge

Leitura: 5 min

24 de Março, 2023

Portugal has a trade and navigation treaty with the United States and its citizens can now apply for an E2 visa in the USA

Brasileiros com Cidadania Portuguesa Podem Pedir Visto E2 de Empreendedor nos Estados Unidos

Portugal possui tratado de comércio e navegação com os Estados Unidos e seus cidadãos já podem solicitar o visto E2 nos EUA

Autor:

Atlantic Bridge

Leitura: 3 min

16 de Janeiro, 2023