/
/
Melhores Universidades da Espanha

18 de Março, 2024

Melhores Universidades da Espanha

Em busca das melhores universidades da Espanha onde poderá se matricular? Reunimos as principais. Veja preços e como ingressar!
Universidade de Granada, uma das melhores universidades da Espanha
Leitura: 9 min

Está pensando em estudar na terra de Picasso e Gaudi? Busca as melhores universidades da Espanha onde poderá se matricular? Se você está pensando em dar início a esse projeto incrível, vamos lhe ajudar a escolher a sua universidade ideal. Em nossos artigos anteriores, já falamos como é morar na Espanha, como obter seu visto de estudante, quais as principais cidades do país e como obter sua cidadania espanhola. Agora vamos apresentar as universidades de destaque, espalhadas de norte a sul do país.

Estudar na Espanha é, sem dúvida, uma oportunidade incrível de combinar uma educação de qualidade com uma experiência cultural inesquecível. As universidades espanholas são conhecidas por sua excelência acadêmica. Elas oferecem várias opções de licenciatura e pós-graduação em áreas como engenharia, medicina, negócios, artes e humanidades. Escolha agora onde estudar!

Quer viver na Europa?

Concretizar seu objectivo de morar na europa ou ter cidadania europeia, pode ser mais simples do que você pensa. Oferecemos suporte personalizado para tornar o processo de imigração mais acessível e descomplicado.

As 10 Melhores Universidades da Espanha 

Iremos usar como referência dois rankings mundiais conceituados, o QS World University Rankings e Center for World University Rankings (CWUR). Ambos avaliam as universidades com base em critérios como qualidade de ensino, empregabilidade de ex-alunos, qualidade do corpo docente, sustentabilidade, rede de pesquisa internacional entre outros. Os resultados são parecidos, como é possível ver nas tabelas de universidades espanholas abaixo.

Center for World University Rankings (CWUR)

Posição NacionalPosição MundialInstituiçãoLocalizaçãoClassificação EmpregabilidadeClassificação PesquisaPontuação
1134Universidade de BarcelonaBarcelona, Espanha6316780.6
2190Universidade Autónoma de BarcelonaBarcelona, Espanha13179.0
3249Universidade Complutense de MadridMadrid, Espanha18722077.7
4285Universidade de ValênciaValência, Espanha150423077.1
5291Universidade Autónoma de MadridMadrid, Espanha108923977.0
6336Universidade de GranadaGranada, Espanha29876.3
7347Universidade do País BascoPaís Basco, Espanha111831076.1
8374Universidade Técnica da Catalunha (UPC)Barcelona, Espanha58334575.8
9402Universidade Pompeu FabraBarcelona, Espanha114737775.4
10410Universidade de SevilhaSevilha, Espanha170138275.3

QS World University Rankings

Posição NacionalPosiçãoUniversidadeLocalizaçãoPontuação Total
1149Universitat Autònoma de BarcelonaBarcelona, Espanha51.7
2164Universitat de BarcelonaBarcelona, Espanha49.7
3171Universidade Complutense de MadridMadrid, Espanha48.8
4199Universidad Autónoma de MadridMadrid, Espanha45.9
5310Universitat Pompeu Fabra (Barcelona)Barcelona, Espanha33.8
6319Universidad Carlos III de Madrid (UC3M)Madrid, Espanha33.2
7349Universidad Politécnica de Madrid (UPM)Madrid, Espanha31.3
8354Universitat Politècnica de Catalunya · BarcelonaTechBarcelona, Espanha31
9403Universidade de GranadaGranada, Espanha27.8
10428IE UniversitySegóvia, Espanha26.4

Universidade de Barcelona

Por muitos anos, a Universidade de Barcelona (UB) ostenta o título de melhor universidade da Espanha em variados rankings mundiais. Foi fundada em 1450, e preserva uma rica história e tradição, aliada a um ensino de excelência em diversas áreas. A UB é uma instituição pública, e oferece 73 cursos de graduação, 150 mestrados universitários e mais de 800 de seus próprios cursos de pós-graduação, além de 48 programas de doutorado. Ou seja, uma oferta ampla com cursos inovadores e interessantes. Por exemplo, já pensou em cursar Ciências da Terra, Antropologia Biológica, Cosmologia, estudar Espiritualidade Feminina da Idade Média ou Meteorologia na Volta ao Mundo? São muitas opções!

Além disso, a universidade divulga que foi responsável por mais de 7.100 publicações científicas (Web of Science), tem cerca de 1.029 projetos de pesquisa ativos, 250 grupos de pesquisa consolidados e 16 institutos de pesquisa próprios. Ao todo, mais de 60 mil alunos frequentam a UB! Números bastante expressivos!

Seus cursos mais famosos incluem Medicina, Psicologia, Direito, Economia e Administração de Empresas, todos com alto reconhecimento internacional. A UB também se destaca em áreas como Química, Física, Biologia e Farmácia, além de oferecer uma ampla variedade de programas de graduação e pós-graduação em outras áreas.

Universidade de Barcelona

Universidade Autônoma de Barcelona

A maior concorrente da Universidade de Barcelona é a Universidade Autônoma de Barcelona – UAB, sempre disputando o título de melhor universidade do país, localizada na mesma cidade. Ambas, instituições públicas, financiadas pelo governo da Catalunha, oferecem ensino de alta qualidade a preços acessíveis. Foi fundada em 1968; conta com cerca de 40 mil alunos matriculados em seus mais de 100 cursos de bacharelado e 140 mestrados e 68 de doutorado

Entre seus programas mais renomados estão os relacionados à medicina, direito, engenharia, economia e ciências sociais. É um centro de pesquisa de referência internacional, com destaque para as áreas de: Biomedicina; Nanotecnologia; Ciência de Materiais; Energia e Meio Ambiente; Engenharia Aeroespacial.

Destaca-se pela excelência acadêmica, infraestrutura moderna, corpo docente altamente qualificado e diversidade cultural, reunindo estudantes de mais de 100 países diferentes.

Universidad Complutense de Madrid

Também no topo das melhores universidades da Espanha, destaca-se a Universidade Complutense de Madrid. Fundada em 1499 é a mais antiga de Madrid, tendo suas origens na Universidade de Alcalá, do século XIII. É também a maior universidade da Espanha, com mais de 86.000 estudantes. Ela está espalhada por toda a área da Ciudad Universitaria em Madrid e também possui instituições na cidade vizinha de Pozuelo de Alarcón. A Complutense tem uma lista impressionante de ex-alunos, incluindo historiadores, filósofos, poetas, Primeiros-Ministros e 3 dos 8 espanhóis que já ganharam um prêmio Nobel.

Na Universidade Complutense de Madrid, é possível estudar uma ampla variedade de carreiras universitárias em diversas áreas do conhecimento. Entre as opções, é possível apontar: Medicina, Sanidade e Saúde, Ciências da Comunicação e Mídia, Ciência da Computação, Artes, Medicina Veterinária, Direito, Belas Artes e Psicologia. 

Universidade de Valência

A Universitat de València é outro centro de ensino de destaque na Espanha, com uma história de mais de cinco séculos. Inicialmente focada em medicina, humanidades, teologia e leis, a Universidade passou por uma intensa transformação nas últimas duas décadas, tornando-se uma moderna instituição global. Líder na aplicação de novas tecnologias, está conectada às principais redes internacionais de ciência e ensino. Possui 42 licenciaturas, 61 cursos de mestrados, e 35 de doutorado.

Sua localização no coração de Valência, juntamente com sua conexão com redes internacionais científicas e de ensino, tornam-na um centro vital para o desenvolvimento acadêmico e cultural na região. 

A Universidade de Valência se destaca por oferecer uma variedade de cursos de alta qualidade em diversas áreas do conhecimento. Entre os principais cursos oferecidos pela instituição estão Filosofia, Direito, Jornalismo, Biologia, Química, Matemática, Física, Engenharia Eletrônica e Enfermagem. Esses cursos refletem o compromisso da universidade com a excelência acadêmica e sua contribuição para o desenvolvimento educacional e profissional de seus alunos.

Universidad Autónoma de Madrid

A Universidade Autónoma de Madrid (UAM) foi fundada em 1968 e conta atualmente com mais 30 mil alunos e 3.200 professores, oferecendo uma experiência universitária completa em seus campus sustentáveis e facilmente acessíveis. A instituição conta com 58 titulações de graduação, 87 mestrados, 34 programas de doutorado e quase 100 títulos próprios, abrangendo uma ampla gama de áreas do conhecimento.

A UAM se destaca por sua forte reputação acadêmica e entre os empregadores. No âmbito da pesquisa, se posiciona como líder em áreas como Nanociência, Materiais Avançados e Ciências da Vida, em grande parte devido à sua colaboração com o Centro Superior de Investigaciones Científicas (CSIC) no Campus de Excelência Internacional.

Universidade de Granada

Localizada no coração da histórica cidade de Granada, a Universidade de Granada é uma instituição de renome mundial, reconhecida por sua excelência acadêmica e rica herança cultural. Fundada em 1531, possui uma longa tradição de inovação e liderança em diversas áreas do conhecimento, incluindo ciências, humanidades, artes e tecnologia. Seu belo edifício foi reconhecido como patrimônio mundial pela Unesco em 2013.

Com uma atmosfera vibrante e multicultural, a universidade acolhe mais de 50 mil estudantes de todo o mundo, oferecendo uma ampla gama de cursos, programas de intercâmbio e oportunidades de pesquisa. Entre os cursos mais inusitados ouu procurados, estão os Estudos Árabes e Islâmicos, Ciência e Tecnologia de Aliemntos, Óptica e Potometria, e Criminologia.

Além disso, a localização privilegiada de Granada, aos pés da majestosa Serra Nevada e a poucos quilômetros do litoral ensolarado da Costa del Sol, proporciona um ambiente inspirador para estudar, explorar e crescer pessoalmente e academicamente.

Qual idioma é falado nas melhores universidades da Espanha?

Este é um detalhe importante que precisa ser verificado quando você for escolher seu curso e instituição. Na Espanha falam-se outros idiomas além do espanhol. Por exemplo: o curso de medicina da Universidade de Barcelona tem quase 80% das aulas ministradas em catalão. Vai depender muito da universidade e do curso escolhido. Outros idiomas falados em sala de aula são o Inglês, o Galego e o Basco. 

Quanto custa estudar em uma das melhores universidades espanholas?

Os valores dos cursos podem variar de acordo com o tipo de universidade (pública ou privada), a nacionalidade do estudante, número de créditos cursados, e a modalidade de curso (presencial ou online). Abaixo, temos uma relação de valores aproximados para um ano de ensino. Os valores são cobrados por créditos e estão disponíveis nos sites das universidades. 

Por exemplo, na Universidade de Valência, o curso de medicina custa 18€ por crédito para um estudante nacional (ano letivo 2023/2024). Sendo estudante em tempo integral, ele deverá cumprir pelo menos 60 créditos anuais, logo, 60 x 18€= 1.080€/ano. 

Já para o curso de economia, o crédito tem um custo de 12,79€  x 60 créditos = 767€/ano. Observe que o número total de créditos para a conclusão do curso de economia (240) é menor que o de medicina (360). Isso pode resultar em uma menor carga anual de créditos e, consequentemente, em anuidades potencialmente mais baixas também.

É importante ressaltar que em várias universidades, estudantes internacionais oriundos de países sem acordos bilaterais com a Espanha ou sem residência no país podem estar sujeitos a taxas mais elevadas em comparação aos alunos nacionais. Isso acontece porque as universidades públicas na Espanha são financiadas pelo governo e, portanto, oferecem taxas mais acessíveis para cidadãos espanhóis.

UniversidadeMedicina (€)Economia (€)Psicologia (€)
Universidade de Barcelona1.100€ -6.500€1.060€-
6.100€
1.100€ -6.500€
Universidad Complutense de Madrid1.200€ –
6.500€
1.000€-
5.400€
1.000€ –
6.500€
Universidade Autônoma de Madrid1.240€-
8.200€
1.015€ –
6.823€
1.015€-
6.823€
Universidade de Valência1.160€ –
6.800€
780€-
5.000€
850€ –
5.800€
Universidade de Granada860€ –
6.000€
760€
5.000€
800€ –
5.800€
Fonte: Sites das universidades

Além das taxas de matrícula, os estudantes estrangeiros também precisam considerar outros custos, como seguro de saúde, alojamento e despesas de vida.

Como entrar numa faculdade espanhola?

Para concorrer a um curso de graduação nas melhores universidades da Espanha, é necessário seguir algumas etapas importantes. Primeiramente, é essencial ter um documento de identificação válido na Espanha, como passaporte, NIE ou DNI. Além disso, para candidatos com menos de 25 anos que desejam ingressar em um curso de graduação, é obrigatória a homologação do Ensino Médio estrangeiro no Ministério de Educação espanhol, para que você obtenha a sua nota média equivalente à nota média do Bachirelatto

Uma vez homologados os estudos, o acesso aos cursos de graduação pode ocorrer de diversas maneiras, dependendo da idade do candidato e da competitividade do curso desejado. 

Candidatos de até os 25 anos 

Para cursos com menor relação candidato-vaga, é possível o acesso direto ou por meio da nota média do Ensino Médio homologado. Já para cursos mais concorridos, como medicina, direito e arquitetura, além da nota média do Ensino Médio, os candidatos devem passar por uma prova de acesso chamada “selectividad”. Essa prova consta de duas avaliações, com um exame de conhecimentos gerais e um exame específico. A nota final é composta por 60% da nota média do Bachirelatto e 40% do exame geral. O exame específico, que é facultativo, é para quem deseja aumentar a nota final.

Candidatos com mais de 25 anos

Existem outras maneiras de ingressar nas melhores universidades da Espanha para pessoas com mais de 25 anos. Estas incluem as Pruebas Libres de Acceso, que são aplicadas em três situações: para candidatos com mais de 25 anos, para candidatos com mais de 40 anos com experiência profissional e para candidatos com mais de 45 anos sem necessidade de comprovação de experiência. As provas para cada faixa etária variam, com exames de língua espanhola, estrangeira e interpretação de texto para aqueles com mais de 25 anos. 

O que são Mestrados de Título Próprio?

Na Espanha, é comum encontrar nas universidades a oferta de dois tipos de mestrado: os Mestrados de Título Próprio e os Mestrados Oficiais. A diferença entre esses dois tipos de programas é crucial para quem está considerando avançar nos estudos.

Os Mestrados de Título Próprio são organizados pela própria universidade e não recebem reconhecimento oficial do Ministério da Educação. Geralmente, esses programas têm um enfoque mais prático e podem não ser aceitos para quem pretende prosseguir com estudos de doutorado. 

Por outro lado, os Mestrados Oficiais são reconhecidos pelo Ministério da Educação e também têm validade em toda a União Europeia, proporcionando as credenciais necessárias para ingressar em programas de doutorado.

Por que estudar numa universidade da Espanha?

Estudar numa universidade espanhola oferece uma experiência acadêmica enriquecedora, imersão em uma cultura rica e diversificada, e a oportunidade de adquirir conhecimentos em algumas das melhores instituições de ensino do mundo. Que tal mergulhar nesse universo repleto de história, arte, gastronomia e vida urbana vibrante? A Espanha é um destino cativante para estudantes internacionais em busca de novas experiências e oportunidades de crescimento pessoal e profissional!

Além disso, ao escolher estudar na Espanha, você pode contar com o apoio da Atlantic Bridge para facilitar sua jornada acadêmica. Nossa equipe especializada está aqui para ajudá-lo em todos os aspectos práticos, desde a obtenção do visto de estudante até o alojamento, seguros e todos os documentos necessários. Com a Atlantic Bridge, sua experiência de estudo na Espanha será segura, rápida e tranquila, permitindo que você aproveite ao máximo essa oportunidade única de aprendizado e crescimento. Entre em contato conosco hoje mesmo e dê o primeiro passo em direção a um futuro acadêmico brilhante na Espanha.

Facebook
LinkedIn
WhatsApp
Telegram
Silvia Resende

Autor:

Silvia Resende

Você pode gostar também:
Praia do Algarve, famosa e ensolarada graças ao clima em Portugal

Clima em Portugal por Estações do Ano e Regiões do País

Descubra o clima em Portugal ao longo das estações do ano e nas diferentes regiões do país: de praias ensolaradas a montanhas nevadas!

Autor:

Atlantic Bridge

Leitura: 10 min

4 de Março, 2024

Portugal's parliament has approved the proposed changes to the Aliens Act. It is not yet known when the changes will take effect.

Governo Aprova Alterações Propostas à Lei dos Estrangeiros em Portugal

O parlamento de Portugal aprovou as alterações propostas à Lei dos Estrangeiros. Ainda não se sabe quando as mudanças entrarão em vigor.

Autor:

Atlantic Bridge

Leitura: 3 min

26 de Julho, 2022

In June

Guia Completo da Festa de São João no Porto

No mês de junho, os portugueses celebram os Santos Populares, com muita festa em honra a São Gonçalo, Santo Antônio, São João e São Pedro.

Autor:

Atlantic Bridge

Leitura: 9 min

22 de Junho, 2023

Jovens sentados no chão no campus de uma universidade debatem a necessidade do visto de estudante para Espanha

Visto de Estudante para Espanha: Como Pedir o Seu

Saiba tudo sobre o Visto de Estudante para Espanha. Descubra quem precisa deste visto, quais os documentos necessários e como pedir o seu!

Silvia Resende

Autor:

Silvia Resende

Leitura: 6 min

25 de Janeiro, 2024

Portuguese President criticizes Mais Habitação program and investor demand for Golden Visa increases. "Inoperational" and "Unfeasible".

Procura por Golden Visa Portugal Aumenta: Entenda Por Quê

Presidente português critica programa Mais Habitação e procura dos investidores pelo Golden Visa aumenta. "Inoperacional" e "Inexequível".

Autor:

Atlantic Bridge

Leitura: 5 min

24 de Março, 2023

Os brasileiros que adquirem outra nacionalidade não perdem mais a cidadania brasileira. A partir de agora

Brasil Permite Dupla Cidadania: Novidade Acaba de Ser Aprovada

Os brasileiros que adquirem outra nacionalidade não perdem mais a cidadania brasileira. A partir de agora, o Brasil permite dupla cidadania.

Autor:

Atlantic Bridge

Leitura: 2 min

14 de Setembro, 2023